第34 Trabalho no exterior Entrevista com Tatiana Brasil Irlanda

Scroll down to content

Transcript

jesus deveria usar este novo programa the work no bronx ele agora teremos um problema à águ especiais vamos atender até nem que no balneário português voltou a perguntar em espanhol é bom saber que está no bar assim que qualquer consulta pergunta que paira a série portuguesa disse estaremos levando em conta que estamos em 80 também estamos em nosso entender né por fim se não prestar tiana eu sou brasileira e à solidez santos ou na cidade em é litoral de são paulo estado eu estou bebendo em dublin por nos últimos dez anos [Risadas] desculpa se for me malu espanhol o portunhol de outra barrava em são paulo como na de senador e de modas espero que quando de decidir foi campeão para português mais fácil quando decidi vir para dublin é não existia a oportunidade de trabalhar nesta área então aí eu mudei para é consumir serviços nec e atendimento ao cliente essa linda país é foi um pouco difícil na época que eu saí do brasil é o euro estava super alto o país estava em recessão foi em 2009 quando é ouvir a receção de todos a toda europa né então foi bem difícil mas eu consegui sair na verdade é conseguir algum dinheiro contado para chegar aqui em dublin e eu tinha três meses para arrumar o dinheiro é um emprego se eu não arrumar se vai ter que voltar porque eu tinha dinheiro contadinho para três meses o motivo assim inicial e saiu de brasília a minha motivação é na verdade não foi por causa de dinheiro nem nada do gênero a minha motivação foi que eu sempre quis eve morar na europa eu sempre quis ter a experiência de viajar à europa e ver o continente velho é antigo e e naquela época foi a época que começaram a demitir algumas pessoas no brasil por causa da recessão eu perdi o meu emprego eu estava com 25 anos e eu pensei ‘bom eu perdi meu emprego estou com 25 anos agora é o momento de um seu arrumar um outro emprego aqui eu vou me acostumar e vai ser mais difícil para eu sair daqui hum então foi meio que assim a hora eu tinha alguns amigos já até morando aqui e aí eles falaram vamos que é inglês dominar o inglês eu eu dominava muito é assim básico de inglês eu assistia bastante seriado como friends todos esses sitcoms obrigado americanos então é eu assisti a eles com legenda então a minha cabeça só eu comecei a conseguir escutar em inglês o meu problema maior era falar me expressar em inglês como acho que a maioria dos casos é sempre mais difícil você falar a língua do que entender a língua e então é essa foi a minha maior limitação com a língua mas é quando eu cheguei aqui a maioria das pessoas me falavam que meu inglês já era bom e de janeiro sim sempre temos algum temor o medo sim quando li quando o twitter meu maior medo foi quando eu cheguei aqui é estava bem difícil eu passei realmente três meses procurando emprego até que chegou um momento que eu tinha assim 25 euros lá colocar van cária para terminar o mês e aí foi assim chegou no estágio desse eu não arrumar um emprego em uma semana eu vou precisar voltar porque eu não tenho dinheiro pra comer pagar a conta e aí aconteceu e é isso que eu sempre falo para as pessoas aqui às vezes no brasil pelo menos se você não consegue arrumar emprego por um tempo assim demora pra você conseguir alguma coisa a ver aqui as coisas acontecem muito rápido é de repente você está na hora certa no local certo a você receber aquela ligação de entrevista e virá então foi bem estranho tinha 25 anos na minha conta e aí em duas semanas depois eu tinha 400 euros na minha com que o conselho poderia da a a 15 r tem a mente aberta no brasil assim é você acho que o que mais com os brasileiros né a gente tem o nosso nível de aa eu só trabalho com isso eu tenho a minha profissão ea gente julga que trabalhar às vezes como garçom ou o faxineiro é um trabalho pra pessoas que são analfabetas e coisas do gênero sendo que aqui trabalha o trabalho as pessoas fazem carreira como vendedora de loja ou como garçom e é um trabalho como qualquer outro e quando a gente chega aqui a gente não tem experiência aqui em inglês aqui vai ser muito difícil você conseguir emprego direto na sua área de trabalho então talvez você vai precisar se submeter a trabalhos menores e isso não é problema algum isso não tem nada você aprende muito você aprende outra os skills como eles chamam a rã e é isso você precisa ou acho que meu maior com ele seria tem a sua mente aberta coisas vão acontecer que não estão a planejadas mas o ser humano ele se adapta a qualquer coisa que você precisa ter como a gente fala em português de jogo de cintura pra se virar e conseguir alcançar o que a gente quer é que consigo poderia ajudá la limpa para 2010 bom primeiro assistir bastante televisão é programas e filmes com língua inglesa e se possível com é a legenda inglês não na sua língua se tiver muito difícil com certeza coloque em espanhol e em português a legenda mas eu acho que quando você assiste os programas com as palavras em inglês você escuta liga elas inglês se você não sabe você de repente às vezes pausa e procurar no dicionário e quando chegar num país quando chegar na irlanda às vezes as pessoas elas acabam porque é mais fácil você viver dentro da sua colônia né só fazer amigos que falam inglês ou português eu quando cheguei aqui direto eu fiz o máximo pra começar a conhecer pessoas que falassem inglês então meu emprego que eu arrumei eu já tentei fazer amizade com o pessoal e marcava de sair para tomar uma cerveja ou algo do gênero para poder começar a mim viajar com eles culturalmente e também melhorar meu inglês no começo nossa meu primeiro emprego eu não entendia nada do que meu gerente falava nada era dentro do velho total eu não entendia nada mas aí eu como eu ficava reconfirmando e perguntava para os meus colegas de trabalho que eram irlandeses e aí eles me explicavam mais devagar eu procurava no dicionário culturalmente falando e diferente do brasileiro quem consegue a hora de a ser uma entrevista poderia dar lhe á a aln eles são diferentes têm muitas coisas que eu acho que o irlandês é parecido com o latino é estranho o irlandês ele é bem sociável eles gostam de conversar eles gostam de se socializar e isso eu acho bem parecido com o nosso povo latino agora tem outras coisas por exemplo eles são menos passionais do que o latino então a gente às vezes fala muito alto a gente demonstra raiva e pra eles vão dizer que eles não têm sempre o mesmo tom de voz então às vezes a gente se empolga com alguma coisa e tem que explicar isso às vezes se assustam porque às vezes eles acham que nós estamos sendo agressivos cantando é e não é só nossa forma de se comunicar né entrevista eu acho que sempre manter bastante ser bastante educado dá espaço para as pessoas falarem o que seria um sorri dentro do cenário em termos de salário amigos ea nave e barulho eu acho que nada durante a entrevista não pelo menos no meu caso eu nunca tentei negociar é eu acho que eles levam na verdade é uma coisa que eu acho meio estranha daqui às vezes você passa por um processo seletivo inteiro e você não sabe qual é o seu salário e isso me irrita bastante na verdade você só ele só te falam o salário se na s eles ou é bom marcar entrevista ou depois mesmo da entrevista ele se passam qual é o salário eles eu já percebi que em muitos casos eles acham meio rude é ruim mal você perguntar o salário parece eu acho que no processo seletivo às vezes eles acham que parece que você só está interessado no dinheiro sendo que eles querem que você demonstre que você ama o trabalho e que o emprego da sua vida então eu acho que meu conselho seria isso tentar por mais que é claro é super importante pra gente saber qual é o salário tenta segurar um pouco para saber isso se você precisa realmente saber antes da entrevista não pergunte para o entrevistador pergunte para a pessoa do rh qual é o salário mas nunca pergunte para o gerente que estava entrevistando porque eu acho que eles têm eles levam isso de um jeito mal entendido de derlan da rosa e bastante diferente anos e assim se que poderia dar conselhos para lhe que 500 em brescia é na ordem numérica olha o tempo né o clima é uma porcaria uma droga é uma merda é muito diferente né não tem tanto sol e venta bastante é bem frio vem aqui é um mas existem coisas boas assim as pessoas são muito boas é eu acho que pra mim o que foi assim a minha maior motivação de sair do brasil e ainda estar morando aqui é o fato de você poder viajar para outros lugares isso eu acho maravilhoso de no fim-de-semana se você pode pegar um avião passar duas horas dentro de um avião e estar em outro país com uma cultura super diferente a minha dica seria você vai precisar se adaptar com o frio com comida com tudo mas eu acho que as pessoas aqui elas são muito abertas relação muito como dizer sociáveis né eles não são pessoas que vão tratar mal não não tenho muita paciência quando o inglês e aí mas com 11 estrangeiros eles são muito abertos com os estrangeiros e som falo a diferença que você recebe quando você vai para londres do que aqui como estrangeira é muito diferente eles tratam muito bem os estrangeiros com os erros para conseguir lugar pra ir a esse é difícil ver quando eu cheguei aqui não era tão ruim dessa forma é a irlanda agora está passando por um momento de crise de habitação né então agora está bem difícil a minha dica é olhar todo o dia o site para procurar casa achou alguma coisa tenta ligar mandar email na hora e ter paciência e ficar mandando todo dia toda hora ficar olhando o site é tenho o daft é o daft pontocom aí né daft ponto e esse é o site que dá pra procurar casas e lugares para dividir e vagas a minha eu também tenho uma dica que eu acho que é importante que eu já escutei tanto tantas coisas ruins social é nunca acredito em coisas do tipo de enviar o dinheiro antes de você a uma casa eu já escutei muitas histórias de pessoas que fazem isso eles falam ah se você quiser assegurar sua vaga se você precisa enviar o dinheiro até tardia e aí a vaga é sua e isso é na verdade é mentira as pessoas perdem dinheiro com isso sempre vá visitar o lugar converse com a pessoa e nunca mande nunca envie dinheiro antes de chegar na locação só se você tiver um amigo aqui que saiba disso esteja ligado a isso e falei olha é para assegurar sua vaga nessa casa eu conheço as pessoas tudo bem mas se você não conhece a pessoa nunca envie dinheiro e pague com antecedência é o importante é muito importante trabalhar em uma empresa irlandesa as diferenças culturais amisom ilhas amigável eles sim são diretos na hora do sim nas coisas é que a recomendação não poderia dar conta dessas pessoas é o irlandês ele ele não fala as coisas na cara né e é em alguns momentos é melhor você não fala nada é principalmente situações que sejam embaraçosos eles são pessoas que lhes são tímidos então se eles não gostam de situações que as pessoas bateram de frente se você não concorda com alguma coisa você precisa tentar passar isso de uma forma suave e tentar não ser negativo eu já percebi se você critica muito alguma coisa eles não levam isso de uma boa forma você precisa tentar com a sua tritícola de uma forma positiva eles não gostam de se tornar de serem colocados no canto assim de quando alguém é desafia eles não gostam de ser desafiadas eles não gostam de passar por situações que eles precisam dar resposta na hora eles não gostam de se sentir pressionados então eles fogem de qualquer tipo de problema pessoal e interpessoal então é sempre bom assim tomar cuidado com o que você fala tentar ser gentil todo momento tentar por mais que você esteja nervoso ou raivoso tentar se acalmar e falar sempre num tom suave de voz porque eles fogem de situações complicadas cidreira se encontrar com tatiana 12 anos atrás nishi enfim que consigo ler ea zaha hadid ataque olha o meu conselho acho que seria sé pra ser mais é mais aventureira eu dizia é porque eu acho que eu poderia ter movido na minha carreira hoje eu tô eu estou trabalhando em uma empresa muito boa eu demorei pra chegar até aqui demoraram oito anos para chegar até aqui porque eu acho que eu tinha muito medo de ficar sem trabalho demover de tipos de trabalho e eu acho que isso me atrapalhou eu vejo hoje as pessoas chegando e tendo mais abertura se aventurando mais a atentar trabalhos então o meu conselho seria se procure outros trabalhos se você não está feliz no seu trabalho não fique sofrendo por que você acha que você é estrangeiro e você não vai conseguir algo melhor é colocar sua cara aí pra fora é aplique se para os trabalhos e o a pessoa de recursos humanos ela vai saber se você é boa por trabalho não então não se sabia hote achando que você não poderá conseguir vai lá aplica e ver no que o que acontece é o meu problema foi que eu me segurei muito em alguns trabalhos ruins porque eu achava que como estrangeiro era aquilo que eu merecia não mereceria ter um trabalho melhor é importante agregado a isso que em outros países temos que ter muitos títulos para universitários para pará não há cá sim demonstrar que por essa série entrou poderá sim creme e esse grande diferença cultural 200 países sim eu acho que o diferencial do latino de nós da américa central américa latina né não sei porque chamam também bom américa central mas você está nessa são latinos e eu acho que a gente vem de países assim que a nossa estrutura ela não ela é bem complicada a gente tem uma super flexibilidade com tudo porque a gente aprende que para sobreviver a gente precisa né mexeu quadrinho como dizem sam dançar pra sobreviver e eu acho que esse é o grande de nosso diferencial aqui a gente não tem medo de trabalho a gente trabalha a gente está aberto a gente encontra soluções para qualquer coisa porque a gente está habituado arrumar soluções para a nossa vida normal enquanto todos esses países europeus que eles têm uma vida eles têm uma sociedade mais igualitária mais justa condições financeiras e segurança e tudo eles estão acostumados com aqui eles nunca passaram por algo então quando algo é ruim eles não têm problema para conseguir se encaixar a gente que tem uma realidade difícil chegando aqui vendo que muitas coisas funcionam que não funciona o nosso país se a gente é muita flexibilidade ea gente não tem medo de trabalho acho que o latino trabalho de sabe trabalhar trabalhar de qualquer coisa não tem medo de trabalhar então esse é o grande diferencial nosso e também ela é a mais de 20 nas suas fiéis nas ruas conhecer e dar por terminadas as pessoas que querem é na seguro sim se preocupar tem menos é algumas coisas sim mais seguro nos nas duas enteadas está a funcionar melhor sim e todos estão preocupados por outras coisas sim sim algo no último considerou ilegal a hora lá na frente se você não está feliz é tem que mudar não tenha medo é eu acho que esse é o grande a minha grande lição de irlanda foi essa de se aventurar ué tenta claro sempre pense bastante as decisões que você vai tomar faça os seus planos tente sempre tem um plano de backup né caso algo dê errado mas não tenha medo é aplicar se para os empregos e quem vai decidir se o seu inglês é bom o bastante e eu acho que tem um pouco disso da gente às vezes não acreditar porque nós não temos o inglês como primeira língua e achar a mas eu não vou conseguir ter o inglês bom pra trabalhar nessa área ou nessa empresa quem vai decidir se você é bom para trabalhar naquele emprego não vai ser a pessoa que está te entrevistando você nunca vai falar um inglês fluente perfeito você não é nativo é você vai dar o melhor de si e eles vão saber se esse é o melhor de si seu funciona naquele naquela empresa ou não conserva muito em cima de nada nem sequer comunicar contigo tem alguma forma quem vocês podem me comunicar via email eu estou no facebook também linkedin é só procurar pela tatiana nascimento ok ok ea mim poderia encontrar com o olhar do ponto do marco do pm ponto amy e desmarets ganha muito e muita graça desejo a galera pra saúde

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: